Explicação do óleo hidráulico da prensa dobradeira

Contacte-nos
Temos mais de 20 anos no fabrico de prensas hidráulicas de travagem, cisalhamento e máquina de corte a laser de fibra. Obtenha agora um orçamento instantâneo para os seus projectos de fabrico de chapa metálica!
Obter Citação GRATUITA
Data de publicação: 7 de novembro de 2023

I. Introdução

O óleo hidráulico refere-se à quantidade de óleo hidráulico necessária para o sistema hidráulico de uma máquina operacional.

Um sistema hidráulico é responsável por fornecer energia e controlo a vários componentes.

A quantidade de óleo hidráulico necessária para a máquina é determinada por vários factores, como o tamanho da máquina, os tipos de sistema hidráulico e as condições de funcionamento.

De um modo geral, as grandes máquinas com um sistema hidráulico mais complexo necessitam de um volume muito maior de óleo hidráulico.

O óleo hidráulico é indispensável para a prensa dobradeira. Como meio de trabalho para o sistema de acionamento, a sua qualidade afecta diretamente a eficiência da operação e o tempo de vida útil.

A principal função do óleo hidráulico é passar através da pressão para várias peças de movimento, conseguindo a translação da calha de guia e da placa de extremidade e aplicando o momento de flexão.

Utiliza um sistema de circuito fechado composto por um cilindro e uma bomba de óleo para controlar com precisão a profundidade e o ângulo de curvatura.

Além disso, o óleo hidráulico pode abrandar o impacto e reduzir o desgaste entre as várias partes da máquina.

Só escolhendo um óleo hidráulico de alta qualidade, adequado às especificações da prensa dobradeira, é que pode desempenhar funções de transição e amortecimento.

O óleo hidráulico de baixa qualidade é fácil de causar oxidação e corrosão, afectando a vida útil das peças da máquina.

II. O papel do óleo hidráulico nos travões de prensa

O óleo hidráulico desempenha um papel essencial nas prensas CNC.

O sistema hidráulico é o núcleo da prensa dobradeira CNC.

Transforma a energia através de óleo hidráulico, accionando assim as várias partes da máquina.

A principal função do óleo hidráulico é passar através da potência, lubrificar e vedar.

A viscosidade do óleo hidráulico tem uma grande influência nas propriedades e no tempo de vida útil de uma máquina.

A prensa dobradeira CNC requer normalmente óleo hidráulico com viscosidade de 4°E a 5°E.

Além disso, a temperatura do óleo hidráulico afecta grandemente o desempenho da máquina.

Se a temperatura do óleo hidráulico for muito alta ou muito baixa, isso afectará o desempenho da máquina.

Assim, é muito importante manter a temperatura do óleo hidráulico num intervalo adequado.

cilindro de óleo hidráulico

III. Tipos de óleos hidráulicos e seleção

O freio de imprensa O óleo hidráulico pode ser dividido nos seguintes tipos, de acordo com diferentes circunstâncias e requisitos:

HL: Fluido hidráulico de baixa viscosidade

O índice de viscosidade é de 32-46. O HL apresenta resistência à ferrugem e à oxidação. Este tipo de óleo hidráulico é normalmente utilizado a baixas temperaturas porque a sua viscosidade é baixa, o que é benéfico para manter o fluido do sistema hidráulico a funcionar eficientemente. Pode ser utilizado em cilindros de óleo hidráulico, máquinas-ferramentas ou escavadoras. O HL pode ser substituído por óleo hidráulico do tipo HM.

HM: Fluido hidráulico de viscosidade média

O índice de viscosidade é de 46-50. É o tipo mais comum de óleo hidráulico. Comparado com o tipo HL, melhora a abrasividade e apresenta uma viscosidade média, adequada para sistemas hidráulicos baixos, médios e altos, e também pode ser aplicado em partes lisas de máquinas de carga média.

HR: Fluido Hidráulico de Alta Viscosidade

O índice de viscosidade é de 50-65. Em comparação com o tipo HL, este HR melhora a sua temperatura de viscosidade. É normalmente utilizado em más condições de trabalho, tais como alta temperatura, alta pressão e grande mudança de temperatura circunstancial. Pode suportar muita pressão e temperatura devido à sua maior viscosidade, como em fábricas de campo e navios oceânicos, que podem ser substituídos por óleo hidráulico do tipo HV.

HV: Fluido hidráulico de elevado índice de viscosidade

O índice de viscosidade é superior a 65. Este tipo de óleo hidráulico tem um índice de viscosidade mais elevado, que pode manter uma viscosidade estável em circunstâncias de diferentes temperaturas, e é adequado para trabalhos pesados ou temperaturas de trabalho extremamente elevadas.

HG: Fluido hidráulico anti-desgaste

A este tipo de óleo hidráulico é adicionado um agente anti-desgaste, que possui características anti-deslizamento e anti-aderência, o que pode reduzir o desgaste do sistema hidráulico, que é aplicável a sistemas que possuem transição hidráulica e superfície de deslizamento. Este tipo oferece um bom desempenho, mas o seu custo é elevado.

HS: Fluido hidráulico de elevado desempenho

O óleo hidráulico do tipo HS tem baixa viscosidade e forte estabilidade térmica, adequado para condições de trabalho rigorosas, como aplicações de alta temperatura, alta pressão ou alta velocidade.

Depois, há os factores a ter em conta na escolha do óleo hidráulico:

Localização

As condições climatéricas e ambientais dos diferentes locais são diferentes. Deve ser escolhido o óleo hidráulico adequado ao ambiente local.

Época

A temperatura e a humidade variam nas diferentes estações do ano. Deve ser escolhido um óleo hidráulico sazonal.

Tipo de máquina

Diferentes tipos de prensas dobradeiras requerem diferentes tipos de óleo hidráulico. O óleo hidráulico adequado deve ser escolhido com base no tipo de máquina.

Gama de temperaturas de funcionamento

Se a temperatura de trabalho for relativamente baixa, deve ser escolhido o óleo hidráulico do tipo HL. Quando a temperatura é elevada, pode ser necessário óleo hidráulico de alta temperatura.

Requisitos de pressão

Ter em consideração a maior pressão de trabalho exigida pelo sistema hidráulico. Se o sistema hidráulico precisar de suportar uma pressão elevada, deve ser escolhido o óleo hidráulico de alta pressão.

Nível de viscosidade

Seleção do nível de viscosidade de acordo com a viscosidade exigida pelo sistema hidráulico. O nível de viscosidade comum inclui HM, HR e HV. Geralmente, o fabricante do sistema hidráulico apresenta um nível de viscosidade sugerido.

Propriedade anti-abrasiva

Se o sistema hidráulico necessitar de uma proteção antidesgaste adicional, pode ser escolhido o óleo hidráulico do tipo HG, que é um agente antidesgaste adicionado.

Biodegradabilidade

Se os requisitos ambientais forem elevados, pode ser utilizado óleo hidráulico com biodegradabilidade para reduzir a poluição ambiental.

Sugestões de fabrico

É preferível escolher o óleo hidráulico com base nas sugestões do fabricante da prensa dobradeira, uma vez que este fornece frequentemente o tipo e a especificação de óleo hidráulico mais adequados.

Qualidade do óleo hidráulico

Assegurar que o óleo hidráulico adquirido cumpre as normas internacionais e industriais, para garantir a qualidade e o desempenho.

Requisitos de manutenção

O tempo de vida útil e o ciclo de mudança do óleo hidráulico devem ser considerados para garantir a fiabilidade e a estabilidade do sistema.

IV. Causas da temperatura elevada do óleo hidráulico

Fraca dissipação de calor causada pela acumulação de sujidade

Se o radiador ou o arrefecedor do sistema hidráulico estiver coberto de sujidade e detritos, o efeito de dissipação do calor será grandemente afetado.

Tal como a nossa pele precisa de respirar, a sujidade na superfície do radiador bloqueia os "poros" do sistema, fazendo com que o calor não seja transferido para o ar de forma eficaz. Assim, a temperatura do óleo hidráulico aumenta.

Escolha incorrecta do modelo de óleo hidráulico

Os diferentes tipos de óleo hidráulico têm diferentes gamas de temperatura de funcionamento e propriedades de viscosidade.

Se for escolhida a temperatura de trabalho atual inadequada ou o óleo hidráulico exigido pela mecânica, a estabilidade térmica do óleo pode ser insuficiente e o calor produzido pelo funcionamento do sistema pode não nascer, resultando num aumento anormal da temperatura do óleo.

Ajuste incorreto da pressão

Se a pressão no sistema hidráulico for demasiado elevada, fará com que vários componentes do sistema suportem uma pressão superior à norma de projeto.

Isto não só aumenta o consumo de energia como também faz com que a temperatura do óleo aumente devido à pressão excessiva.

Ao mesmo tempo, uma regulação incorrecta da pressão acelera o desgaste da mecânica, resultando indiretamente no aumento da temperatura do óleo.

Fornecimento insuficiente de óleo fornecido pela bomba de óleo

O abastecimento de óleo da bomba hidráulica é insuficiente, o que também é chamado de "fenómeno da fome", fazendo com que o interior da bomba gere cavitação. Este fenómeno não só provoca vibrações e ruídos no sistema hidráulico, como também aumenta o calor de fricção no interior do sistema, fazendo com que a temperatura do óleo aumente.

Problemas de fugas no interior

Se houver fugas no interior do sistema hidráulico, o óleo formará um vórtice na zona de baixa pressão.

Esta transmissão de energia desnecessária será transformada em energia térmica, provocando o aumento da temperatura do óleo.

A fuga não é apenas a razão para o aumento do óleo hidráulico, mas também o risco potencial de diminuir a eficiência do sistema.

Desgaste de componentes hidráulicos

Devido ao funcionamento a longo prazo, os vários componentes do interior do equipamento hidráulico vão-se desgastando gradualmente.

Esta abrasividade provocará a expansão dos intervalos nos componentes hidráulicos, resultando numa maior fricção interior quando o óleo flui.

Assim, será gerado mais calor. Os componentes abrasivos provocarão provavelmente fugas.

V. Manutenção e cuidados

cilindro de óleo hidráulico

Limpeza regular

A superfície da prensa dobradeira, a matriz e a área de trabalho devem ser mantidas limpas.

Isto inclui não só a limpeza mecânica, mas também a limpeza do sistema hidráulico e do sistema elétrico.

A limpeza regular do óleo, dos detritos metálicos e da sujidade pode diminuir o desgaste e evitar a ocorrência de acidentes.

Verificação e manutenção do nível de óleo

As medidas fundamentais para prevenir o mau funcionamento do sistema hidráulico incluem a verificação regular do nível do óleo hidráulico e a garantia de que o nível se encontra dentro dos limites normais.

Se o nível de óleo for demasiado baixo, o sistema hidráulico será aspirado pelo ar, o que afectará o funcionamento do sistema.

Se o nível do óleo for demasiado elevado, pode provocar uma fuga de óleo.

Controlo da qualidade do óleo

Verificação da qualidade do óleo hidráulico para garantir que o óleo ainda funciona.

Isto pode ser conseguido através da análise do óleo, que verificará os contaminantes, o teor de água e a viscosidade.

Substituir o óleo regularmente

O óleo hidráulico é o "sangue" do sistema hidráulico, que deve ser substituído de acordo com o tempo sugerido pelo fabricante ou com a quantidade de horas de utilização rigorosa.

A substituição atempada do óleo pode garantir que o sistema hidráulico está limpo, não há poluição e a fricção diminui.

Verificação e substituição do filtro

O controlo e a substituição regular do filtro asseguram a desobstrução e o funcionamento eficaz do filtro.

O bloqueio do filtro provoca uma diminuição da pressão e da propriedade.

Ajustar a pressão do sistema

Ajustar a pressão do sistema de acordo com o manual de instruções e a orientação profissional para satisfazer os requisitos de trabalho.

Evitar trabalhar durante muito tempo sob uma pressão demasiado elevada, reduzindo assim a carga e o consumo do sistema.

Lubrificar e planear

Uma boa lubrificação é importante para diminuir o atrito e evitar a ferrugem.

Seguir o plano de lubrificação do fabricante para lubrificar regularmente.

Isto pode melhorar significativamente a eficiência de trabalho e o tempo de vida útil.

Plano de manutenção semanal

Definir e cumprir o plano de manutenção semanal, incluindo a manutenção diária, semanal, mensal, bimensal, trimestral e de 2000 horas.

A manutenção diária pode incluir a verificação do nível de óleo e a limpeza do equipamento.

Um ciclo de manutenção mais longo inclui a substituição do óleo, uma verificação profunda do sistema hidráulico e a verificação do sistema elétrico.

A manutenção em cada ciclo é a chave para manter o funcionamento estável a longo prazo do equipamento.

Além disso, com formação regular, os operadores podem melhorar a sua consciência e competências em matéria de manutenção, de modo a que o estado de saúde de cada prensa dobradeira possa ser bem cuidado.

cilindro de óleo hidráulico

VI. Conclusão

O óleo hidráulico é considerado como um meio de transmissão de trabalho essencial, a sua qualidade afecta diretamente a eficiência de trabalho da máquina e o tempo de vida útil.

Nesta passagem, aprofundamos a discussão sobre a importância do óleo hidráulico para as propriedades da prensa dobradeira e como garantir o melhor estado de funcionamento do equipamento através de procedimentos de manutenção adequados.

Se pretender adquirir uma prensa dobradeira e quiser saber o preço detalhado, pode contacte-nose o nosso vendedor apresentar-lhe-á um orçamento.

À procura de máquinas?

Se procura máquinas para o fabrico de chapas metálicas, veio ao sítio certo!

Os nossos clientes

As seguintes grandes marcas estão a utilizar as nossas máquinas.
Contacte-nos
Não tem a certeza de qual é a máquina certa para o seu produto de chapa metálica? Deixe a nossa experiente equipa de vendas guiá-lo na selecção da solução mais adequada às suas necessidades.
Pergunte a um especialista
Política de PrivacidadeTermos
Direitos de autor © 2024